A Procuradoria Geral da Unilogos no uso de suas atribuições vem esclarecer:

– Chegou a essa procuradoria imagem de um documento nominado “edital 01-2019” cujo cabeçalho consta o nome da Logos University e abaixo Colégio Kairós. Ao lado figura a Logomarca (Brasão) da LUI.

– O Citado documento e eivado de ilicitudes que não refletem a conduta, missão e valores da Logos University International, desta forma vimos esclarecer:

1. A Logos University International não reconhece o citado edital;

2. A Logos University Int. não autoriza o uso de seu Brasão ou nome em editais ou contratos de prestação de serviços educacionais;

3. A Logos University Int. não atua de forma presencial no Brasil de maneira que a chamada para aula inaugural do enfadonho edital é ilegal e ilícito;

4. A Logos University Int. não autoriza ou autorizou ao citado “Colégio Kairós” a abertura de polo para quaisquer atividades em seu nome, conforme descrito no enfadonho edital;

5. Por fim a Logos University Int. não autoriza encontros presenciais para integralização das disciplinas EaD, conforme mencionado no enfadonho, irregular e ilegal edital publicado pelo citado “Colégio Kairós”.

Salientamos que o citado “Colégio Kairós” não possui qualquer ligação com a Logos University Int. e que as devidas providencias judiciais estão sendo tomadas